10 motivos para fazer uma viagem para Amazônia

Quando se fala em Amazônia, o que vem à sua mente? Florestas? Rios? Animais? Sim, lá tem tudo isso e muito mais! A Região Norte do Brasil é repleta de atrações para todos os tipos de turista, principalmente os curiosos. Cada cantinho da região é cheio de particularidades. Tem coisas que só acontecem por lá, como dois rios correrem lado a lado sem se misturar, por exemplo.

A região amazônica é rica em todos os sentidos — da beleza exuberante à explosão de sabores de suas comidas típicas. O visitante que conhece a região se depara com uma realidade bem diferente da de grandes centros como Rio e São Paulo, apesar de encontrar uma infraestrutura completa para seu descanso e lazer.

Ainda está na dúvida? Prepare-se para ser convencido pelos 10 motivos para fazer uma viagem para Amazônia. Venha conhecer seu próximo destino!

1. Curta uma linda praia de rio!

Quem disse que não tem praia na Amazônia? Tem, e elas são lindas! Vamos começar falando na Praia do Açutuba. Ela é uma das mais bonitas do estado do Amazonas, banhada pelas águas escuras do Rio Negro. Sob o sol, a água tem um tom indescritível, que vai do azul ao vermelho.

Outra praia que você vai adorar é a Praia da Lua, próxima a Manaus. Além do ambiente incrível, ideal para tomar um bom banho de rio e apreciar a natureza, essa praia tem infraestrutura completa, com bons hotéis e restaurantes que servem peixes frescos no almoço.

2. Vislumbre a natureza em todo o seu esplendor

Qual é a graça de ver a natureza e toda sua exuberância sendo representada por espécies trancadas em jaulas, não é verdade? Em uma viagem para Amazônia, você pode ver espécies da fauna da região em seu habitat natural, sem precisar pagar por ingressos ou com tempo de visitação preestabelecido.

Além disso, a Amazônia é famosa pela variedade de plantas e frutas que não existem em nenhum outro lugar do mundo.

3. Faça um cruzeiro inesquecível entre os rios Solimões, Amazonas e Negro

Você vai mudar seus conceitos sobre rios ao chegar na Amazônia. Eles são tão largos e extensos, que até os navios de cruzeiro conseguem navegar neles. Esses hotéis flutuantes fazem roteiros incríveis, com atividades como pescar piranhas, passear de lancha, observar jacarés e até brincar ao lado dos botos cor-de-rosa.

4. Conheça frutas das quais você nunca ouviu falar

O calor da Amazônia é bem intenso, prepare-se! Durante os passeios, aproveite para se hidratar tomando sucos naturais de frutas que você provavelmente nunca ouviu falar: bacuri, taperebá, uxi, biribá, buriti, cupuaçu, graviola ou muruci.

Seus nomes podem ser estranhos, mas os sabores são incríveis. Os sucos são deliciosos e muito refrescantes!

5. Visite uma floresta inundada

Conhecer uma floresta não costuma ser um passeio que todos se habilitam a fazer. Já imaginou, então, visitar uma inundada? Em muitos pontos da região é possível fazer passeios de barco por dentro de florestas que, dependendo da época do ano, ficam cobertas de água.

Árvores de vários metros de altura, insetos, aves, macacos, peixes e outros animais ficam bem pertinho uns dos outros, e podem ser observados ao seu redor.

6. Hospede-se em plena selva amazônica, com todo o conforto necessário

Quer dormir no meio da selva sem perder acesso ao conforto de uma cama quentinha? Em Anavilhanas, é possível se hospedar em um luxuoso hotel no coração da floresta, que oferece excursões e passeios pela região.

Dá para fotografar animais, passear pelas ilhas que ficam ao redor, fazer trilha na mata, conhecer botos cor-de-rosa, contemplar o nascer do sol, visitar grutas, praticar arco e flecha e fazer canoagem pelos igapós e igarapés.

7. Coma os melhores peixes de rio do mundo

Os sabores da Amazônia ajudam a tornar sua viagem ainda mais interessante, pois cada garfada tem aromas e texturas que só existem ali. Os restaurantes da região servem os melhores peixes de rio do mundo, sempre acompanhados por uma farinha de mandioca bem crocante e alguns outros ingredientes.

Dá para experimentar peixes como pirarucu (bacalhau da Amazônia), tucunaré, tambaqui — e muitos outros. Eles são servidos de diversas maneiras: fritos, cozidos, em bolinhos e até na brasa.

8. Encante-se com o encontro das águas

Prepare-se para sentir todo o poder na natureza nesse passeio incrível: o encontro das águas! Imagine dois rios: um de águas escuras e outro de águas barrentas. O que acontece quando eles se encontram? Eles não se misturam!

Ao longo de uma extensão de 6km, os rios caminham lado a lado sem que suas águas se misturem, delimitando visualmente quem é quem: Rio Negro e Rio Solimões. Esse é um dos espetáculos da natureza mais bonitos de se ver.

9. Tome um tacacá e sinta os lábios tremendo

Tacacá? Lábios tremendo? Vamos explicar!

O tacacá é uma iguaria típica da região amazônica. Ele é preparado com tucupi (caldo amarelo extraído da mandioca), goma de tapioca, chicória, sal, alho, camarão e jambu. É praticamente uma sopa, porém é servida em uma cuia.

O jambu tem substâncias que provocam dormência nos lábios, deixando-os trêmulos (nada exagerado, apenas uma sensação gostosa). Experimente um tacacá e aproveite o pôr do sol em uma das vistas para os rios da região.

10. Impressione-se com a imponência e beleza do Teatro Amazonas

Inaugurado em 1896, na época do ciclo da borracha, quando a região amazônica prosperou graças à extração da seiva vinda da seringueira, o Teatro Amazonas é um dos mais imponentes e belos do país. Os ricos da época desejavam ter uma casa de espetáculos na região como opção cultural.

Desde sua inauguração, essa casa de espetáculos já viu óperas, peças de teatro, musicais, grupos de dança, cantores líricos e outras incontáveis atrações. Seu teto foi pintado pelo artista italiano Domenico de Angelis. Possui espelhos de cristal, sistema de refrigeração embaixo de cada cadeira e sua cúpula é composta por 36 mil escamas em cerâmica esmaltada vindas da França.

Ficou com vontade fazer uma viagem para Amazônia e viver situações únicas como as descritas acima? Fale com quem entende de viagem, não perca tempo e entre em contato conosco agora mesmo!

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.